Revista Raízes - Sempre perto de si.|Domingo, Setembro 24, 2017
Você está aqui: Início » Desporto » A magia da dança do ventre
  • Procure um artigo

A magia da dança do ventre 

11070519_1051205904899090_1855815070056686793_o

O interesse pela dança oriental tem vindo a aumentar. Conversamos com dois grupos de Bragança: Kyahara Bellydance Ballet e Bellydance Júnior que já contam com alguns palmarés.

Ambos recentes o Kyahara Bellydance com adultos e Bellydance Júnior com meninas mais  jovens são grupos recentes mas chegaram para ficar.

A professora Cristiana diz que a “bailarina se apaixona pela beleza de toda uma envolvente, pelas tradições, pela cultura, pela própria origem da dança que a maior parte das pessoas desconhece, pelos inúmeros benefícios que a dança traz ao corpo da mulher, uma vez que trabalha vários músculos ao mesmo tempo, alguns de grande importância, por exemplo, no momento do parto”, explica.

Há meninas que começam bem cedo com cinco ou seis anos, mas isso acontece com mais normalidade em países onde a dança tem grande importância, valor e reconhecimento como por exemplo na Rússia, Ucrânia, entre outros. “Aqui em Portugal não temos muitos exemplos de meninas pequeninas reconhecidas. Existe um ou outro caso, mas são raros”, conta a professora.

Sem rodeios alerta que é “uma dança difícil, ao contrário do que se pensa, e por isso alguns alunos acabam por desistir antes de a descobrir e conhecer realmente”.

Vão já neste mês de Novembro participar no Oriental Dance Weekend, em Lisboa. Por cá espectáculo marcado para dia 12 de Dezembro no Teatro Municipal de Bragança

.

Distinguidas

As Bellydance Júnior conseguiram o 2º Lugar. Em outubro desse ano, a Inês Maltez, conseguiu o 1º Lugar na Categoria solo infantil no East Fest Lisbon 2014. Nesse mesmo ano concorreram com a APDV (Associação Portuguesa de Dança do Ventre), onde conseguiram o 1º Lugar na categoria Grupos.

Em Maio a Inês e a Vitória Vilas-Boas conseguiram o 1º lugar na categoria intermédio – Estilo livre fusão no Norte Festival de Dança, que decorre anualmente no Porto.

Já em Outubro deste ano mais duas vitórias. A Inês conseguiu o primeiro lugar na categoria Júnior e as Bellydance Júnior o segundo lugar na categoria grupos no East Fest Lisbon 2015.

História da Dança Oriental

Raks Sharki ou Dança do Ventre como é tradicionalmente conhecida, é uma das formas mais antigas de expressão artística. Nasceu de rituais religiosos primitivos de povos árabes, espalhando-se pelo mundo com a ajuda de viajantes, mercadores e nómadas, que interessando-se por esta cultura foram transmitindo ao povo ocidental os segredos por detrás dos movimentos sensuais característicos desta dança.

 

Artigo para ler na integra na edição impressa.

Adicionar comentário