Revista Raízes - Sempre perto de si.|Quinta-feira, Novembro 23, 2017
Você está aqui: Início » O que se passa em Trás-os-Montes e Alto Douro » Pela Rota da Fonte do Gil
  • Procure um artigo

Pela Rota da Fonte do Gil 

IMG_7875

Qualquer altura do ano é boa para caminhar mas as cores do outono proporcionam uma tela única em Trás-os-Montes. Nesta edição da Raízes propomos-lhe uma caminhada pela Rota da Fonte do Gil por Torre de Moncorvo. O percurso não é muito longo no fundo ideal para uma manhã ou tarde fresca de Outono. Aqui deixamos-lhe as dicas necessárias para um dia a solo ou em família em plena natureza.

A Rota da Fonte do Gil arranca na praça da Igreja da aldeia de Carviçais, em Torre de Moncorvo no distrito de Bragança. Este percurso é de grau dificuldade baixa mas convém sempre levar uma mochila com água e um bom calçado, uma máquina de fotográfica se possível para registar alguns momentos. Esta rota desenrola-se por caminhos bastante antigos e termina precisamente na Fonte do Gil, que dá o nome ao percurso.

Destaca-se a passagem por locais muitos locais históricos e emblemáticos da aldeia de Carviçais como as Escadas de Carcavão, a Canelinha do Fogo, as Minas do Lagar Velho, a Fraga da Raposa e a dos Pelames e a Calçada da Fonte do Gil.

Esta é uma caminhada onde pode apreciar as maravilhosas paisagens  mas também o património histórico e cultural existente. 

Este percurso pedestre é uma aposta do Município de Torre de Moncorvo no turismo de natureza aliado à promoção do património histórico e cultural da freguesia de Carviçais e do concelho de Torre de Moncorvo.

 

Características do percurso:

Localização: Carviçais, Torre de Moncorvo

Extensão: 4 km

Duração média a pé: 1h30

Dificuldade: Média baixa

Âmbito: Desportivo, Cultural e Ambiental

Época aconselhada: Outono ou Primavera

Reportagem para ler na íntegra na edição impressa.

Adicionar comentário